Destaques

O coordenador da Comissão Intersetorial de Saúde do Trabalhador Nacional (Cist), Geordeci Menezes de Souza, disse, nesta quarta-feira, 25, durante a 4ª Conferência Estadual de Saúde do Trabalhador e Trabalhadora, que os trabalhadores precisam participar e exercer mais o controle social sobre as ações na área de Saúde do Trabalhador. Ele foi palestrante do tema “Fortalecer a Participação dos Trabalhadores e das Trabalhadoras, da Comunidade e do Controle Social nas Ações de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora”. A mesa foi coordenada pela cogestora da Sespa, Eunice Begot.

Notícia | Exibições: 170 | Tags: CIST Conferência Nacional de Saúde do Trabalhador controle social PNSST PNST CEREST Pará Belém (PA) Conceição do Araguaia (PA) Marabá (PA) Porto de Moz (PA) Santarém (PA) | Publicado em ter, 15/07/2014 - 15:14

Já estão disponíveis para download na Biblioteca Multimídia da ENSP as três edições (10, 11 e 12) de 2014 dos boletins Fonoaudiologia na Saúde do Trabalhador, elaborados pelo Serviço de Audiologia do Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana da ENSP e pelo Centro de Referência em Saúde do Trabalhador do Estado do Rio de Janeiro (Cerest/Sesdec-RJ).

Notícia | Exibições: 389 | Tags: atenção básica distúbios de voz professores ACS fonoaudiologia saúde auditiva atenção primária vigilância em saúde do trabalhador | Publicado em ter, 24/06/2014 - 17:09

O GT de Saúde & Ambiente da ABRASCO irá realizar no período de 19 a 22 de outubro de 2014, na cidade de Belo Horizonte/MG, o 2º Simpósio Brasileiro de Saúde & Ambiente (2ºSIBSA).

Notícia | Exibições: 608 | Tags: abrasco Minas Gerais saúde ambiental Belo Horizonte (MG) | Publicado em ter, 24/06/2014 - 13:39

O estudo buscou conhecer a percepção de equipes de Saúde da Família sobre as relações trabalho-saúde-doença e identificar estratégias, facilidades e dificuldades para prover o cuidado aos trabalhadores. Foram realizados grupos focais com profissionais de unidades básicas em: Palmas (TO), Sobral (CE) e Alpinópolis (MG). Utilizou-se análise de conteúdo de Bardin para sistematização e análise dos dados. Os resultados revelam que as ações de cuidado dos trabalhadores são pontuais e pouco articuladas com as diretrizes e objetivos da Política Nacional de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora. Entre as dificuldades estão: sobrecarga de trabalho; despreparo das equipes para as questões que envolvem as relações trabalho-saúde-doença; falta de apoio institucional, entre outros. O apoio matricial às equipes de saúde pelos Centros de Referência em Saúde do Trabalhador e outras instâncias do SUS foi identificado como facilitador das ações.

Recurso | Exibições: 422 | Tags: atenção básica ACS Minas Gerais saúde do trabalhador atenção primária Alpinópolis (MG) Tocantins Palmas (TO) Ceará Sobral (CE) | Publicado em sex, 20/06/2014 - 12:55

Comentários recentes

Parabéns pelo seminário. | publicado há 2 semanas 3 dias
Oi Rodolfo, | publicado há 1 mês 1 semana
desabafo!!! | publicado há 1 mês 4 semanas